SIGNIFICADO

Significado: uma palavra muito além do dicionário…

Pois significado é simplesmente o que mais as pessoas buscam na vida – mesmo aquelas que dizem não buscar nada, mas que na verdade só não descobriram ainda o que querem buscar…

Por exemplo, qual o significado de uma metáfora? Aliás, o que é metáfora? Metáfora é algo que alguém fala de maneira simbólica, para tentar facilitar ao seu ouvinte o entendimento daquilo que ele quis dizer – pois uma coisa é o que se fala; outra é o que se quer dizer.

O que significa significado? Significado significa:

– O que se quer dizer.

Por exemplo, qual o significado da palavra “anormal”?

– Atitude, ato, ou fato, fora dos padrões daquilo que seria considerado como sendo usual…

Outro exemplo seria “bestial”:

– Algo, ou alguém, agindo conforme o padrão de uma besta…

E eis aí a questão:

– Quando uma pessoa pode ser chamada de “anormal”?

E…

– Quando uma pessoa pode ser chamada de “besta”?

Uma palavra em si, dita a esmo, não possui atributos suficientes para se determinar efetivamente seu significado – ou pelo menos a intenção de quem a pronunciou: pois, em última análise, quem define o significado de uma palavra não é só quem a pronuncia, mas também quem a ouve. Tal qual como no velho ditado popular:

– Em casa de enforcado, não se fala de corda…

Pela Internet, em qualquer site de busca, você vai encontrar inúmeros artigos, posts, matérias, ensaios, crônicas…

Descrevendo a natureza da palavra “significado”!

Só não vai encontrar aquilo que, na realidade, está procurando…

O que significa “significado”?

Significado não tem a ver necessariamente com a origem etimológica de uma palavra.

Mas sim com o que quem a ouviu entendeu: quando um superior hierárquico diz a seu subordinado que o relatório que ele apresentou sobre o trabalho executado está uma m… Quem é que põe o dedo no nariz?

Significado não tem a ver com o “concreto” – aquilo que todos vêem…

Significado tem a ver com o “abstrato”… Aquilo que as pessoas sentem!

Significado tem a ver com emoção – e emoção, quando se trata de palavras, é despertada usualmente por pelo menos uma das seguintes premissas:

– O que foi que alguém disse?

– O que foi que o outro ouviu?

– O que foi que esse outro respondeu?

– O que foi que aquele alguém ouviu?

Afinal, quem é que decide quem tem razão num diálogo?

Significado?

Uma palavra muito além do dicionário!

E que só quem ouviu tem como avaliar o que sentiu…

***

“Assim é, se assim lhe parece.” (Luigi Pirandello)

 

Comentários: