FILOSOFIA

Filosofia:

– Amor pela sabedoria.

E o que significa o amor pela sabedoria?

Ser capaz de ouvir respostas surdas a perguntas gritantes:

– Será que a vida é uma piada que não entendemos?

Porque ninguém conta uma piada que não pensou que fosse uma piada.

– Se a vida for realmente um piada, quem é que está se divertindo?

Porque ninguém está onde não está.

– Se a vida é só uma viagem, não um destino, por que é que não paramos de pensar sempre em nosso destino?

Porque ninguém pega uma estrada que sai do nada e leva a lugar nenhum.

– Se a vida é só ser ou não ser, de que adianta questionar?

Porque ninguém questiona quando não procura por uma exceção.

– Se em tudo na vida há uma exceção, esta afirmação seria uma exceção?

Porque se ela for uma exceção, isso significa que há uma regra em que não há exceção.

E se há uma regra que não há exceção, então a regra está errada.

O que isso tudo significa?

Significa apenas que Filosofia nada mais é do que a assunção consciente da própria ignorância.

Com o objetivo de elevar um eventual estado de ignorância a um nível mais alto.

Para passar a entender melhor, ou pelo menos mais claramente, o mundo a seu redor.

Pois em última análise, Filosofia representa simplesmente o exercício de correlação entre:

– Teoria e prática;

– Causa e efeito;

– Imaginação e realidade…

Filosofia representa uma ferramenta para nos ajudar a enfrentar os dilemas da vida – aquelas circunstâncias em que nos vemos obrigados a ter de optar entre o menor de dois males.

Uma situação a que estamos expostos corriqueira e incessantemente ao longo de nossas vidas.

Enfim, o que significa Filosofia:

– Entre a merda e o cocô, prefira o cocô.

Antes de optar, procure entender a diferença entre eles – filosoficamente…

***

“Não há nada em uma lagarta que diga que ela se tornará uma borboleta.” (Richard Fuller)

 

Comentários: