NADA CAI DO CÉU

Ter consciência de que nada cai do céu representa o primeiro passo para uma vida mais frutífera.

Pelo menos em termos de inspiração pessoal.

A maioria das pessoas tem consciência do que desejam alcançar um dia em sua vida, notadamente na vida profissional: status, remuneração, admiração, respeito, consagração…

Só que nem todas se dão conta de que na vida nada disso cai do céu.

Em nenhuma hipótese qualquer uma dessas conquistas será concedida a eles sem uma certa dose de…

Sadismo!

Sim, isso mesmo: sadismo!

E isso não porque as pessoas em geral sejam sádicas em sua essência…

Aliás, longe disso. O que ocorre é que há uma tendência natural nas pessoas em procurar transmitir o que aprenderam seguindo os mesmos conceitos de seus “mestres”.

A maioria dos profissionais que se encontra no topo das organizações, não importa de que natureza sejam essas organizações, foi moldada num ambiente de “entrega total de seus recursos, se quisessem alcançar o topo”…

Invariavelmente, seguindo o segundo conceito:

– Nada cai do céu, a não ser chuva…

De maneira simplória, o que pensam é que, se eles tiveram de “fazer das tripas coração”…

Por que os que vem atrás na fila não terão?

Afinal, quisessem atingir seus objetivos de ascensão profissional dentro da organização em que trabalhassem, teriam forçosamente de se dedicar de maneira integral, inequívoca e vigorosa.

A ponto de muitas vezes se dispor a abrir mão de seus objetivos pessoais (família, lazer, amigos…) para cumprir as metas que lhe foram impostas.

Alguém que não se sinta confortável com essa situação, que tenha em mente que essa é a realidade.

E, como diz o velho ditado:

– Os incomodados que se mudem…

No mundo atual a situação continua como sempre foi desde seus primórdios:

– Nada cai do céu…

E fim de papo.

Fim de papo, sim!

Mas não fim do mundo…

Aliás, quando ocorrerá o fim do mundo? O fim do mundo ocorrerá quando as pessoas não tiverem mais condições objetivas de reverterem um processo.

Um sistema, criado pela natureza ou pelo próprio ser humano:

– Cometas vindos do espaço, atingindo e devastando a vida na Terra…

Se isso acontecer, será apenas porque o ser humano não encontrará mais forças para se impor perante essas as adversidades – eis aí o verdadeiro fim do mundo:

– Não ter energia para se impor.

E tentar reverter as adversidades, independentemente de quais elas sejam.

Para quando acordar pela manhã, olhar para o espelho, e dizer a si mesmo:

– Nada cai do céu: portanto, vou realizar tudo o que quero realizar, independentemente se houver chuva, ou houver sol.

Não tenha dúvida, a menor que seja: nada cai do céu, a não ser chuva – e haverá dias que nem chuva cairá…

***

“Se você quer mudar tudo, basta mudar sua atitude.” (H. Jackson Brown)