FINANÇAS PESSOAIS

Controlar as finanças pessoais representa um dos maiores martírios da vida do POVO.

E como controlar as finanças pessoais passou a representar, de maneira indireta, a capacidade que esse alguém possui de demonstrar o controle da própria vida.

Afinal, sinceramente, como é que alguém pode achar que possui controle de sua vida se nem sequer faz o que só ela própria pode fazer por si mesma?

Só que há uma grande quantidade de pessoas que não faz a mínima idéia de como conduzem seu dia a dia.

Por exemplo, sobre seu consumo:

– O que elas consomem; e, principalmente…

– Por que consomem!

Invariavelmente, a vida é levada por hábitos.

Em tudo, ou quase tudo, no dia a dia:

– Comer;

– Beber;

– Calçar;

– Vestir;

– Ouvir;

– Assistir;

– Ler;

– Freqüentar;

– Viajar;

– Realizar…

Quantas vezes alguém não se deparou com uma situação do tipo:

– Eu não precisava dessa calça, e nem sei quando vou usá-la – mas a cada seis meses eu compro uma…

Quem continua fazendo o que sempre fez só por conta do hábito, corre o sério risco de encher o tanque de seu carro com etanol.

Mesmo depois de ter comprado um novo – mas movido à diesel.

Como controlar as finanças pessoais?

Fazendo o mesmo que se faz na maioria das demais circunstâncias da vida.

Afinal:

– Não há como comer, quando não se tem fome;

– Não há como dormir, quando não se tem sono;

– E, principalmente, não há como se gastar, quando não se tem…

Dinheiro!

Ou, pelo menos, potencial para ganhá-lo.

Como controlar as finanças pessoais não é tão difícil.

É algo mais ou menos como controlar a diabetes:

– Açúcar pode ser consumido por qualquer pessoa; mas só poderá vir a ser um problema de saúde a partir do momento em que uma pessoa não respeite o limite de açúcar que ela própria pode consumir – especificamente!

Como controlar as finanças pessoais?

É só procurar raciocinar como os banqueiros.

Banqueiros?

Sim, banqueiros!

E por que o raciocínio dos banqueiros poderia ser o melhor parâmetro sobre como controlar as finanças pessoais?

Porque em termos de finanças pessoais, um banqueiro nunca desperdiçará seu precioso e suado dinheiro investindo em coisas que ele não sabe para quê, por que, se, como e quando poderiam servir…

***

“Banco é o lugar onde você pode obter dinheiro emprestado, se provar que não precisa dele.” (Bob Hope)