BOM CASAMENTO PODE RENDER MUITO DINHEIRO

Aliás, um bom casamento sempre poderá render muito dinheiro.

Por que um bom casamento pode ser considerado um grande negócio?

Porque, na maioria das vezes, um bom casamento pode gerar lucros.

Aliás, um bom casamento pode não só trazer um bom lucro, como pode trazer… Outro bom casamento… E outro… Um bom casamento atrás do outro!

Preste atenção:

– Não se trata de golpe do baú… Mas sim de tudo o que envolve o gran finale que coroa o enlace: a festa de casamento.

Em média, o custo envolvido na realização de uma festa de casamento para 200 convidados custa algo em torno de R$20.000,00.

Pouco?

Muito? 

Depende de que lado da igreja você se encontra durante o enlace matrimonial.

Para quem está na platéia, esse valor pode até parecer pouco.

Mas para quem está no altar diante do sacerdote um valor como esse pode representar um entrave significativo, a ponto de até comprometer o desempenho dos cônjuges após a cerimônia…

Já, para quem foi contratado para justamente organizar o evento, não há qualquer dúvida – o setor cresce a passos largos, com inúmeras possibilidades para o estabelecimento de novas empresas.

Temos um novo nicho no mercado – aliás, novo não!

Temos um nicho que está se reinventando no mercado!

Empresas constituídas especificamente para a organização de eventos “nupciais”.

Realizar simplesmente um… Bom casamento!

Claro, como em qualquer ramo de negócios, não há uma fórmula preestabelecida que garanta um retorno imediato, independentemente de desempenho.

Mas, para quem estiver disposto a uma empreitada fora dos moldes de negócios comerciais corriqueiros e tiver uma predisposição pessoal para eventos, sem dúvida nenhuma pode significar um nicho interessante.

Principalmente para aqueles com idéias inovadoras na organização desses eventos.

Pois independentemente das mudanças nos usos e costumes, a cerimônia de casamento continua sendo um evento para o qual muitas pessoas não economizam esforços no sentido de torná-lo marcante.

E torná-lo tão inesquecível quanto possível, já que o que importa é usufruir do frenesi.

E investir nesse nicho de negócio pode significar, de quebra, uma oportunidade propícia para quem estiver procurando por novos relacionamentos.

Quanto ao casamento em si, no que se refere à felicidade dos consortes, não temos um quadro tão claro quanto ao que seria essa sabedoria:

CASAMENTO

***

“O segredo de um casamento feliz permanece um segredo.” (Henry Youngman)